ELETRI CAR

ELETRI CAR

DIANA, SACOLÃO NEIDE E FILHO

DIANA, SACOLÃO NEIDE E FILHO

BALNEÁRIO PIRAPORA

BALNEÁRIO PIRAPORA

MADEIREIRA MOVELAR E DROGARIA PREÇO BAIXO

MADEIREIRA MOVELAR E DROGARIA PREÇO BAIXO

domingo, 5 de fevereiro de 2017

DESVALORIZANDO OS PROFESSORES. VEREADORES APROVAM PROJETO DE LEI ENVIADO PELO PREFEITO CRIANDO NOVO PLANO DE CARREIRA PARA PROFESSORES ,CONGELANDO SALÁRIOS E CORTANDO BENEFÍCIOS










Na última sexta dia 3 de Fevereiro foi realizado duas sessões extraordinárias, exclusivamente para votar o Projeto de Lei 1/2017 que trata da criação de novo PLANO DE CARREIRA PARA OS PROFESSORES. O Gestor mandou para Câmara de Vereadores em caráter de URGÊNCIA esse projeto que desvaloriza uma das profissões mais importantes que existe, entre outros cortes de benefícios dos Professores o que mais se comenta pelas ruas e redes sociais, são o CONGELAMENTO DE SALÁRIO, hoje não afeta tanto, mais com o decorrer dos anos a desvalorização vai ser tanta que professor vai ganhar pouco mais de um salário mínimo. Nesta sessão como já era previsto a votação ficou com 7 votos aprovando que foram os vereadores da base do Prefeito, VEREADORES DOUGLAS, PROFESSOR MATEUS MENDONÇA, BRENO, ZÉ LUÍS, EVANDRO MANO, TOINHO ENFERMEIRO E CHICO DO NEGO. os que falaram deram a mesma Justificativa ensaiada. A CRISE NO PAÍS.  os vereadores de oposição ficaram ao lado do povo mais uma vez. votando contra os 3 vereadores PROFESSORA ADRIANA LUÍZA, LUCINHA DO GILBERTO E CARLITO. O Sindicato dos Servidores Públicos de Cocal SINDSERM/COCAL fez a sua parte dando todo o apoio possível, fez manifestação na porta da Câmara com faixas e carro de som, logo cedo até a hora da votação, até isso eles pensaram, colocaram a votação para uma hora da tarde e que foi começar quase duas, para massacrar mais ainda o povo que acompanhou a sessão. O que muitos comentaram foi que poucos dos mais interessados que são os PROFESSORES, compareceram e participaram da manifestação reivindicando seus próprios direitos, mesmos prejudicados dizem AMÉM a tudo que o Prefeito diz, não sei se com medo de represálias, cortes de benefícios ou apadrinhamento político, porque o que todos esperavam era uma câmara lotada com todos os professores que são os prejudicados, mais isso não aconteceu. ISSO O QUE ACONTECEU FOI PREVISTO MUITO ANTES, O GRUPO DE OPOSIÇÃO JÁ FALAVAM EM PALANQUES QUE ISSO IA ACONTECER, MAIS A GRANDE MAIORIA DOS PROFESSORES QUE VOTARAM NO PREFEITO NÃO ACREDITARAM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário