ELETRI CAR

ELETRI CAR

DIANA, SACOLÃO NEIDE E FILHO

DIANA, SACOLÃO NEIDE E FILHO

ANUNCIANTES JULHO

ANUNCIANTES JULHO

BALNEÁRIO PIRAPORA

BALNEÁRIO PIRAPORA

MADEIREIRA MOVELAR E DROGARIA PREÇO BAIXO

MADEIREIRA MOVELAR E DROGARIA PREÇO BAIXO

SKEMA 10 SET

SKEMA 10 SET

terça-feira, 6 de outubro de 2015

Cocal (PI) tem dois casos de estupro contra crianças em um único dia

Casos não têm ligação; vítimas têm 5 e 10 anos
Suspeitos são uma criança de 12 anos e um homem de 47 anos.
  
Dois casos de estupro foram registrados no domingo (4) na cidade de Cocal, a 268 km de Teresina. Segundo o chefe de investigação Walter Bruce, da Polícia Civil, os crimes não têm ligação e as vítimas são duas meninas de 5 e 10 anos. A mais nova sofreu o abuso do primo de 12 anos e a segunda vítima foi atacada por um vizinho de 47 anos. 

"No caso da criança de 5 anos, eu recebi a ligação da mãe da menina relatando do abuso pelo primo de 12 anos e que a menor estava internada com sangramento nas genitálias. Ao chegar ao hospital, os médicos confirmaram o estupro e iniciamos diligências para apreender o suspeito que fugiu. O caso aconteceu na casa da vítima no Povoado Gameleira, zona rural de Cocal", relatou.
De acordo com o Walter Bruce, os pais do garoto entraram em contato com a delegada e o apresentaram na manhã desta segunda-feira (5) no Distrito Policial de Cocal. Em depoimento, o menino primeiramente negou o estupro e depois confessou ter abusado da prima durante uma brincadeira.
"Por entender que o menor não fez por maldade, a delegada registrou apenas um boletim de circunstanciado. O garoto deve responder por estupro consumado", explicou.

Segundo estupro
No segundo caso de estupro, um homem de 47 anos foi preso no domingo suspeito de abusar de uma menina de 10 anos em Cocal. O suspeito seria um vizinho da vítima, que aproveitou a ausência dos pais para entrar na casa e abordou a criança.
"Ela estava brincando, quando ele a segurou e acariciou as partes íntimas da menina. Ao ouvir o barulho de pessoas se aproximando, o suspeito saiu correndo e foi visto pelo pai da criança. Ao ser questionada, a menor contou do abuso e os pais fizeram a denúncia na delegacia", informou.
Após diligências, o homem foi preso ainda em Cocal e levado para a delegacia da região. Ele negou autoria do abuso, mas foi autuado por estupro de vulnerável.
Portal do Pessoa

Nenhum comentário:

Postar um comentário