ELETRI CAR

ELETRI CAR

DIANA, SACOLÃO NEIDE E FILHO

DIANA, SACOLÃO NEIDE E FILHO

ANUNCIANTES JULHO

ANUNCIANTES JULHO

BALNEÁRIO PIRAPORA

BALNEÁRIO PIRAPORA

MADEIREIRA MOVELAR E DROGARIA PREÇO BAIXO

MADEIREIRA MOVELAR E DROGARIA PREÇO BAIXO

SKEMA 10 SET

SKEMA 10 SET

quinta-feira, 20 de outubro de 2016

VÍTIMAS DA BARRAGEM ALGODÕES REALIZARAM MANIFESTO EM TERESINA NO DIA DO PIAUÍ



Comitiva com cerca de 130 famílias Vitimas da Barragem Algodões em Cocal – Piauí, realizam manifesto em Teresina, em frente ao Teatro 4 de Setembro. Na ocasião o Governador do Piauí W. Dias participava da Cerimônia de Outorga da Ordem Estadual do Mérito Renascença do Piauí.
As vítimas da Barragem Algodões, lutam para receber as indenizações pelos danos causados pelo rompimento da Barragem e também pela construção da nova barragem.
As vítimas aceitaram todos os acordos do governador. Porém, o mesmo Governador W. Dias não cumpriu o que prometeu com o que foi acordado em juízo. Até as pensões alimentícias, já sentencia pelo Tribunal de Justiça do Piauí, é necessário impetrar mandato judicial e bloqueio das contas do Estado para que o Governo libere o pagamento.
E a construção da nova Barragem houve ensaios de uma construção e não passou de uma enganação. 
A intenção é sensibilizar o governador a agilizar o pagamento de parcelas previstas em acordo. O presidente da Avaba (Associação das Vítimas da Barragem de Algodões), Corcino Medeiros Santos, disse ao Diário que até agora, nenhum pagamento foi feito desde julho, quando as famílias aceitaram receber um terço do acordado pela Justiça. Assim, devem ser pagos R$ 60 milhões, dividido em 30 parcelas de R$ 2 milhões, contemplando 1 mil famílias.

NOTA AVABA Avaba Associação Das Vitímas 

Nenhum comentário:

Postar um comentário