ELETRI CAR

ELETRI CAR

DIANA, SACOLÃO NEIDE E FILHO

DIANA, SACOLÃO NEIDE E FILHO

ANUNCIANTES JULHO

ANUNCIANTES JULHO

BALNEÁRIO PIRAPORA

BALNEÁRIO PIRAPORA

MADEIREIRA MOVELAR E DROGARIA PREÇO BAIXO

MADEIREIRA MOVELAR E DROGARIA PREÇO BAIXO

SKEMA 10 SET

SKEMA 10 SET

quarta-feira, 1 de maio de 2013

Miguel Alves: comércio fecha as portas e cidade está de luto


Após o assalto ao Banco do Brasil da cidade de Miguel Alves, distante 110 km de Teresina, o clima na cidade é de comoção pela morte do gerente da agência, Ademyston Rodrigues Alves, que mantinha bom relacionamento com a população da cidade. Após o crime, o comércio fechou as portas e a população teme porque ainda restam dois assaltantes foragidos.

A polícia cercou os acusados em uma área de matagal, próximo à divisa com o Maranhão. 



As pessoas que estavam no interior da agência foram colocadas como escudo para proteger a ação dos bandidos. Um deles ficou do lado de fora, enquanto os outros renderam os funcionários e pegaram odinheiro

O gerente Ademyston Rodrigues Alves foi alvejado por um tiro no momento da fuga. Ele havia sido levado como refém, junto com outro servidor do banco. Os bandidos usaram um Siena prata para fugir. No momento em que arrancaram em fuga, um dos acusados atirou um saco de dinheiro para as pessoas que estavam próximo a praça, localizada em frente ao banco. Segundo populares, ele teria dito: "Oí, é de vocês".

Em uma estrada vicinal, policiais da RONE, BOPE, Gtap e Greco montaram uma barreira. Foi quandou houve o confronto e três dos cinco homens foram mortos. 


Até o início da noite de hoje, os policiais mantinham cerco aos dois fugitivos na localidade Pitombeira. Os bandidos estão armados e a população foi orientada a manter as portas das casas fechadas. 

Cerca de 40 policiais trabalham na captura dos assaltantes. 



Os corpos dos quatro mortos foram trazidos para o Instituto Médico Legal de Teresina. O carro do IML saiu de Miguel Alves por volta das 15h.

Matérias relacionadas

Leilane Nunes
leilanenunes@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário